æTudo sobre Esportes RadicaisFim da 4ª Edição do Jump Festival

Terminou a quarta edição do Jump Festival, evento organizado pela Confederação Brasileira de Esportes  Radicais (CBER) e válido pelo Circuito Nacional de Bike e Skate. Na tarde deste domingo (19/09), no Estação Jovem, em São Caetano do Sul (SP), foi realizada a eliminatória e a final do BMX Street, e Ronan Ferreira (“Ferrier”) conquistou o título da última modalidade em disputa.

Por conta da garoa, que atingiu a região de São Caetano do Sul (SP) no sábado (18/09), a eliminatória do BMX Street foi adiada para este domingo (19/09). A decisão foi tomada pela CBER, prezando pela segurança dos BMXers. Por isso, os competidores disputaram as duas sessões no mesmo dia. Para superar o grande número de adversários – 60 no total -, Ferrier mostrou toda a sua técnica sobre a bike, aproveitando a pista e obstáculos montados, e faturou o título.

“Vim com o intuito de ganhar e também me divertir, mas não tinha certeza se a vitória viria. Estou muito contente com a linha que fiz, com as manobras que consegui encaixar. Usei todos os obstáculos e o objetivo é sempre esse: buscar o melhor. Estou feliz por ter conseguido isso hoje (domingo)”, comemorou o campeão de 22 anos.

A relação dos cinco melhores foi completada por: Leandro Cañas (“Cañas”), em segundo; Wolfgang Weprajetzky, em terceiro; Irineu da Silva (“Mirra”), em quarto; e Renan Fernandes, em quinto.

Já de olho no próximo Jump Festival Os cinco primeiros colocados do BMX Street garantiram vaga naquela que é a grande novidade da próxima edição do Jump Festival: a Super Final, de onde sairá um representante dos amadores para a disputa do campeonato de profissionais, que, em São Bernardo do Campo (SP), entre 07 e 10 de outubro, será realizado pela primeira vez na história do evento.

Os dez primeiros colocados levaram para casa equipamentos importados e de alta performance. O campeão ainda ganhou um mini-system de prêmio, enquanto que o vice ficou com um aparelho de DVD, e o terceiro, com uma câmera digital. Todos os produtos eletrônicos são da LG.

“Não sabia se vinha participar do Jump Festival, pois estava com o pulso machucado. Mas como o evento é muito legal e sempre bem organizado, vim para prestigiar e reencontrar os amigos. Cometi alguns pequenos erros, mas andei bem. Agora tenho que treinar muito porque o pessoal de São Paulo está evoluindo bastante e quero buscar o primeiro lugar na Super Final para andar entre os profissionais”, falou Leandro Cañas, de Vinhedo (SP), que conquistou o vice-campeonato.

Confira a relação dos melhores do BMX Street na quarta edição do Jump Festival: 1º – Ronan Ferreira (“Ferrier”) 2º – Leandro Cañas (“Cañas”) 3º – Wolfgang Weprajetzky 4º – Irineu da Silva (“Mirra”) 5º – Renan Fernandes 6º – Wesley do Carmo (“Risadinha”) 7º – Gabriel Diniz 8º – Marcelo Faria (“Delarosa”) 9º – João Henrique 10º – Anderson Martins (“Neco”)

Saiba tudo sobre Esportes Radicais

(fonte:360GRAUS)