æTudo sobre MotocrossNate Adams vence Red Bull X-Fighters em Brasília

Este final de semana em Brasília aconteceu a segunda etapa do Red Bull X-Fighters, o evento teve o maior público da história, onde todas as 100 mil pessoas viram o norte-americano Nate Adams levar o primeiro lugar desta etapa. O brasileiro Gilmar Flores “Joaninha” agitou bastante a galera porém foi eliminado na primeira fase.

Diante de 100 mil pessoas, o norte-americano Nate Adams venceu o Red Bull X-Fighters Brasília 2011, na noite de sábado (28/05), ao derrotar o australiano Robbie Maddison na final da segunda etapa do maior campeonato internacional de motocross freestyle (FMX). O norueguês André Vila ficou com o terceiro lugar no pódio. O público que tomou os arredores da arena montada em frente ao Congresso Nacional é o maior registrado em uma competição de FMX na história em todo o mundo.

“A pista parece ter sido feita para mim. Eu me adapto muito bem a este tipo de percurso bem técnico e grande”, avaliou o “Destruidor” Nate Adams, que desde os treinos já vinha demonstrando maior intimidade com a impressionante pista construída com 600 caminhões de terra. “É muito legal andar diante de um público deste tamanho. Estou feliz porque na última temporada fui campeão mesmo sem ter vencido nenhuma etapa e agora já começo o ano com uma vitória na segunda prova”, completou o bicampeão do Red Bull X-Fighers World Tour (2009/2010), que não vencia desde 2009, em Londres. Com a conquista no Brasil, Nate Adams assumiu a liderança da temporada com 165 pontos.

Já classificados automaticamente para as quartas-de-final, Nate Adams e Robbie Maddison chegaram às semifinais com vitórias perfeitas por 5 a 0, respectivamente sobre Blake Williams e Adam Jones. A final foi definida após mais um 5 a 0 de Nate sobre o norueguês Andre Villa, e um 4 a 1 de “Maddo” sobre neozelandês Levi Sherwood.

O duelo final reservou grande equilíbrio entre dois dos maiores pilotos de FMX do mundo. Maddison buscou variar ao máximo os tipos manobras, como Tsunami, Rock Solid e a marca registrada Sidelanding, em que aterrisa com as duas pernas voltadas para o mesmo lado da moto. Mas a noite era mesmo de Adams, que tirou o máximo das mais difíceis variações de Backflip e guardou para seu penúltimo salto, uma linha até então não usada por nenhum piloto. Na hora da decisão dos juizes, 4 votos a 1 coroaram Nate Addams diante do Congresso Nacional do Brasil.

RED BULL X-FIGHTERS WORLD TOUR BRASILIA 2011

RESULTADO:
01. Nate Adams (EUA)
02. Robbie Maddison (Austrália)
03. André Villa (Noruega)
04. Levi Sherwood (Nova Zelândia)
05. Eigo Sato (Japão)
06. Javier Villegas (Chile)
07. Adam Jones (EUA)
08. Blake Williams (Austrália)
09. Beau Bamburg (EUA)
10. Gilles De Jong (Bélgica)
11. Gilmar Flores (Brasil)

(fonte: Red Bull)