æTudo sobre SurfRip Curl

Para filmar a campanha da sua bermuda de surfe, a Rip Curl inovou. Chamou ninguém menos que Mick Fanning, Owen Wright, Matt Wilkinson e Stephanie Gilmore como protagonistas. Para produção, contrataram uma empresa chamada Timeslice, que utiliza de uma técnica de câmeras a La “Matrix” na gravação de imagens em 3D. A estrutura contou com 52 câmeras Canon 5D, um monte de brinquedos da Apple e muito mais. Tudo isso foi enviado à Kuala Lumpur, na Malásia, onde há a maior piscina de ondas do mundo. O resultado você confere mais abaixo, logo após as impressões de quem viveu essa experiência. Com a palavra, Mick Fannig:

Essa foi a primeira vez que você surfou em uma piscina de ondas?
Sim. Foi uma experiência incrível. É muito bizarro surfar em uma piscina de ondas.

Como que eles fazem as ondas?
Tem uns tanques gigantes logo atrás da parece do mundo que ficam acumulando muita água. E eles soltam toda a água de uma vez só, isso cria a onda.

É possível gerar ondas mais fortes, aumentando a quantidade de água para formar a onda?
Eles podem aumentar o tamanho e isso determina aonde a onda quebra. No tamanho médio, elas quebram no melhor lugar da piscina, duram mais e também tem mais força. Quando fica maior elas quebram mais ao fundo. Demora um pouco para você se acostumar, mais uma vez que você entende a personalidade da piscina se torna a onda mais previsível do mundo. Mas não quebra com nenhuma força.

Então a Rip Curl e a Timeslice fez tudo para captar as imagens em 3D. Foi chocate ver o seu estilo de ângulos que você nunca tinha visto?
Aquelas cenas a La Matrix deixaram todo mundo louco na primeira vez que vimos, então me ver surfando daquela maneira, foi alucinante. Não revelou nada diferente na verdade, tecnicamente, porque eu já me vi surfar de muitos ângulos diferentes. Foi somente muito louco ver todos aqueles ângulos em uma única imagem.

Nós normalmente ficamos limitados à um único ângulo em fotos os vídeos, mas com essa tecnologia você pode ver seu surfe por vários ângulos. Como isso te beneficia?
Os benefícios são das imagens mesmo. E não estava olhando a técnica, nem nada disso quando eu assisti ao vídeo. Eu só fiquei maluco de ver tudo aquilo.

A iniciativa foi pioneira nesse trabalho. A Rip Curl estudou a biomecânica do seu estilo?
É a coisa mais legal que eu já vi. Mas eu não sei se são mais do que imagens incríveis. Não tenho certeza se alguém está usando os clipes para checar meu estilo e técnica.

Então você não revisou as imagens com um olhar de treinamento técnico, mas o que você aprendeu da perspectiva do 3D?
Que eu puxo a cabeça de maneira horrível quando eu dou um aéreo. Hahaha…

O que você pensou quando você se viu primeiro de frente depois de costas na mesma manobra?
É simplesmente uma coisa alucinante quando você vê da primeira vez. Foi isso que eu tirei dessa experiência. Agora que você mencionou, eu poderia ver as imagens novamente para checar mais cuidadosamente a técnica e o estilo.

Entretanto, essa não é uma onda de verdade, então você tem que ajustar sua técnica para compensar isto. Portanto, eu não mudaria nada na minha técnica só por olhar as imagens.

A ciência do esporte é um negócio grande hoje. Em que direção você que levar seus treinos para aperfeiçoar sua técnica e reduzir as chances de lesão?
Eu sou um cara de fases. Isso está sempre na minha cabeça, mas no momento estou meio desligado disso. Agora estou cansado de ficar analisando técnicas e tudo mais. Eu só estou curtindo surfar e seguindo meus instintos.

(fonte:ESPN)