æTudo sobre UFCRandy Couture vence ex-campeão de boxe no UFC 118

Frankie Edgar mantém do cinturão dos leves, na revanche contra BJ Penn e Demian Maia vence Mario Miranda dando um show de jiu jitsu. Quem assistiu ao UFC 118 não teve dúvidas. O MMA venceu de lavada do Boxe na luta entre as lendas Randy Couture x James Toney, na noite deste sábado dia 28 de agosto. O evento também confirmou a soberania de Frankie Edgar na categoria leves, na revanche contra o ex-campeão BJ Penn. O paulistano Demian Maia deu um show de jiu jitsu e venceu do niteroiense Mario Miranda na decisão unânime dos juízes. No card preliminar, o brasileiro Amílcar Alves foi finalizado na luta contra Mike Pierce.


Frankie Edgar é o campeão dos leves. Na esperada revanche entre ele e o havaiano BJ Penn, ex-campeão da categoria, Frankie mostrou jogo infinitamente superior diante do havaiano apático. Nos dois primeiros rounds, Frankie partiu pra cima e conseguiu duas sólidas quedas e conectou bons golpes no oponente. No terceiro round, a luta ficou em pé na maior parte do tempo e Frankie se movimentava rápido no octógono, impondo com propriedade seu jogo em pé. No 4º round, BJ Penn conseguiu derrubar Frankie, mas este levantou rápido. O golpe espetacular deste assalto foi um chute que Frankie acertou na parte detrás da perna do havaiano, levando o adversário ao chão – uma verdadeira “banda” na fala popular. Se no último round BJ Penn esboçou uma reação, já não havia tempo. Frankie Edgar se livrou rápido das armadilhas do havaiano mostrando boa defesa na maioria das vezes. Os juízes foram unânimes, Frankie Edgar é o dono do cinturão dos leves.
“Frankie fez uma grande luta. Ele é o cara. Eu preciso pensar sobre tudo isso”, disse BJ Penn após a derrota.


Na luta mais esperada da noite, a lenda das artes marciais mistas Randy Couture não deu chance para o boxe dar o seu show, na primeira vez em que um conceituado nome do boxe pisou no octógono. Tão logo o sino soou, Randy partiu para cima e levou James Toney para baixo. A partir daí, o boxer ficou em apuros, sem saber como agir encurralado na gaiola. Randy partiu para o “ground and pound” e deu fim a luta com o golpe de katagatame. O boxe foi detonado pelo o MMA em menos de quatro minutos. Randy Couture destacou que Toney foi o primeiro boxeador renomado a se aventurar no octógono e disse que sempre foi grande fã desta luta. Toney foi emplacável. “Eu vou voltar”, disse.

Depois de enfrentar Anderson Silva na edição 112, na disputa pelo cinturão dos médios, Demian Maia voltou em grande estilo ao octógono e anulou o jogo do niteroiense Mario Miranda. Nem a ajuda do campeão dos campeões no córner – Anderson Silva fazia parte da equipe do niteroiense – foi suficiente para abalar Demian Maia, que partiu para cima nos três rounds e deu um show de jiu jitsu. Durante os 15 minutos de embate, Demian levou Mario Miranda ao chão e acertou bons golpes no adversário. Até o último segundo, ele tentou a finalização, mas acabou vencendo na decisão unânime dos juízes.

(fonte:UCF)